terça-feira, 14 de outubro de 2008

Renovação e Transparência?

Hoje eu vi uma notícia do Corinthians que me deixou um pouco intrigado. Não, não foi a comemoração pelos 31 anos do título de paulista de 77, que encerrou um jejum de 22 anos, 8 meses e alguns dias. Comemoração aliás, que foi 0ntem, dia 13/10 e que não me deixaria com cara de interrogação, muito pelo contrário.

O que me deixou com a pulga atrás da orelha foi a aquisição de mais 10% do valor dos direitos do bom lateral-esquerdo André Santos junto ao Figueirense. O "presente" foi dado pela conhecidíssima empresa Turbo Sports. Alguém já ouviu falar? Pois bem, eu também não.

Bom, fui buscar mais informações para tentar entender do que se tratava. Para o meu espanto, segundo os onlines esportivos, o diretor técnico do Corinthians, Antônio Carlos Zago, declarou pouco conhecer da empresa que comprou o restante dos direitos de André Santos (agora, 37,5% pertencem ao Corinthians, 40% a Turbo Sports e 22,5% ao D.I.S, do Grupo Sonda), considerados, não por mim, um dos maiores destaques do Timão nesta temporada.

Agora, como que o corpo diretivo do Corinthians não conhece a fundo uma empresa que compra 50% dos direitos do jogador e presenteia o clube com 10%? Estranho não? E, como bem sabemos, ninguém é bonzinho no mundo do futebol.

Hummmmm, cheira mal! Muito Mal! Nesse mato tem cachorro!

Andres Sanches, renovação e transparência? Sei não.....cheira maaaaallllll!

3 comentários:

Guilherme disse...

Para de falar mal do corinthians aí seu traidor!!

Daniel Crenitte disse...

não tô falando mal do Timão...sim da diretoria...que cheira muito mal....pior que você em dias de verão...heheheh.

Luís Pereira disse...

zum zum zum ... cheira mal